ameacas-climaticas o eclipse solar do seculo a floresta hoia baciu ufos fenomenos o caso de bergen nova jersey segredo obscuro ex funcionario da nasa

tecnologia avançada criada apartir de uma semente extraordinário


Quem hoje assiste as evoluções do Bombardeiro Invisível (ao radar)B2 “SPIRIT”,



jamais poderia imaginar que sua estranha configuração de asa voadora descente de uma simples semente , sim uma semente de uma planta Javanesa!!!
Um pouco de história: Na vira do século 19 um naturalista alemão Dr. Frederick Ahlborn, revelou ao mundo as extraordinárias qualidades do vôo da semente Zanonia Macrocarpa (nomim estranho). Medindo cerca de 15 cm de envergadura essa semente voadora possuía o nucleo mais pesado e deslocado ligeiramente para frente , um revestimento resistente e fino ao longo de uma enorme asa curvada para traz .




A dita semente tinha uma curioso perfil de asa , com curvatura normal na região central, mudava para um perfil reflexo nas pontas e tinha o bordo de fuga levemente curvado para cima.
Solta ao vento a grande semente mostrava um planeio fenomenal e, acima de tudo era inerentemente estável, se auto corrigindo quando seu vôo era perturbado por movimentos de ar que faziam variar 
seu ângulo de ataque.

TCHAN ! TCHAN ! ESTABILIDADE INERENTE: sonho dos projetistas de maquinas voadoras da época ! Não de se admirar que muito construtores inventores,nos primórdios da aviação , tenham tentado copiar a solução indicada pela semente Zanonia.
Entre eles estava Igo Etrich, que desenvolveu, em 1906 um bem sucedido planador sem cauda , cópia da asa Zanonia : o Entrich-1 , primeira aeronave dotada de estabilidade inerente em 1910


Entrich também projetou o lendário Taube avioneta dotada dos mesmos princípios da Zanonia e com cauda de pombo.

O pequeno monoplano ficou famoso por sua incrível estabilidade , chegou a ser fabricado na Áustria e utilizado para uso civil e militar , chegando ate a ser empregado na faze inicial da primeira guerra, pelos alemães como avião de reconhecimento .
Daí em diante estava aberta as portas para inúmeros projetos seguindo a formula da pequena semente Zanonia : asa voadora com perfil reflexo, solução tentadora pelo potencial simplicidade e vantagens aerodinâmicas .


HÁ HÁ   !!!!!!!!Foram os alemães Reimar e Dieter os irmãos HORTEM que nos anos 30, levaram o conceito de asa voadora ao mais alto grau de sofisticação e eficiência , com seus esguios planadores e suas asas motorizadas (1935-1938 )

até culminar com o incrível avançado e espetacular caça bi reator HO-IX (1945)
Tudo isso aconteceu muito antes que John Northrop criasse a sua asinha voadora N-1M

 vovó do bombardeiro XB-35 e sua versão a jato YB-49(1947).





Hoje o ‘INVISIVEL B-2” viabiliza um sonho que começou com uma semente, não com a simplicidade da estabilidade inerente , mas com sofisticada e avançada estabilidade computadorizada
Hoje a NASA estuda uma gigantesca Asa voadora destinada a transportar mais de 800 passageiros , cruzando o céu a 900 km/h , projeto BWB (Blended Wing Body) que como o B-2 esta muito muito distante da inocente semente javanesa ZANONIA MACROCARPA 





      
Compartilhar Google Plus

Autor Fator X

👽 ola eu sou o autor do blog Fator X quero agradecer a você desde já por esta aqui nos visitando. nosso blog tem a finalidade de discutir assuntos de Diferentes Tipos de Eventos curiosidades lendas ufologia etc. fique a vontade para Compartilhar com seus amigos

Postagens Relacionadas

0 comentários :

Postar um comentário

https://dfatorx.blogspot.com.br/

https://dfatorx.blogspot.com.br/

Downloads

Arte do blog feita por colaboradores

Arte do blog feita por colaboradores